Uma das queixas mais comuns entre os brasileiros que visitam os consultórios médicos, a dor no estômago pode ser o sintoma de várias enfermidades: desde uma leve intolerância alimentar até um infarto cardíaco.

Normalmente, essa dor aparece devido uma série de fatores e alguns hábitos considerados inadequados. Porém, com uma simples mudança na rotina, principalmente alimentar, é possível prevenir este mal.

O primeiro passo para um tratamento é buscar ajuda médica. Somente com um diagnóstico correto é possível definir o melhor tipo de intervenção para o alívio e cura da dor.

Conversamos com o gastroenterologista Délcio Amorim. Ele fala sobre possíveis causas da dor no estômago e tratamentos. Confira!

 

VEJA TAMBÉM

EMAGRECER COM SAÚDE E RÁPIDO: SIM, É POSSÍVEL!

PARA QUE SERVE O EXTRATO DE PRÓPOLIS? CONHEÇA SUAS PROPRIEDADES AQUI

 

O que pode causar a dor no estômago?

O desconforto abdominal pode ser o sintoma de vários problemas como a gastrite, refluxo e úlcera. De acordo com Délcio Amorim, alimentos à base de milho, cafeína, massas e alcool podem piorar o quadro.

No caso desses problemas, o médico afirma que não se deve ficar muito tempo sem se alimentar. A recomendação é que a cada duas horas a pessoa deve comer alguma coisa.

É importante ressaltar que cada organismo tem a sua particularidade e o que faz mal para um não faz para o outro. Por isso, se você sente que algum alimento ou bebida desencadeia a dor no estômago, evite-o.

A alimentação em excesso antes de dormir também é algo que deve ser evitado, assim como se deitar logo após as refeições.

Segundo o gastroenterologista, o uso de medicamentos, principalmente anti-inflamatórios, podem provocar a dor ou agravá-la no caso de úlcera e gastrite. Portanto, a procura pelo médico é primordial.

 

Outras causas para a dor estomacal

Muitas vezes as dores podem vir acompanhadas de sintomas como a azia, vômito e diarréia. Caso você tenha perdido peso de forma inexplicável e o vômito seja de sangue, procure o médico imediatamente. Isso pode ser sinal de algo mais grave como o câncer no estômago.

A dor no estômago também pode ser devido a uma gastroenterite, uma infecção do trato digestivo causada por bactérias, vírus ou parasitas.

Outros motivos possíveis são:

- Gases;

- Infarto;

- Pancreatite;

- Intoxicação alimentar;

- Pedra na vesícula.

 

Como é feito o tratamento para a dor no estômago?

Tudo vai depender do diagnóstico feito pelo médico. De acordo com Délcio Amorim, a anamnese (história clinica) e o exame físico já direcionam para a investigação mais adequada.

Alguns exames complementares também são indicados. Com a confirmação da causa do problema será possível definir o melhor tratamento.

 

Dica Evomel

O uso de chás podem amenizar os problemas estomacais. O Amarguinho é um produto 100% natural, composto por ervas selecionadas que promovem o bem-estar e a saúde de quem utiliza.

Ele é um chá misto de hortelã, camomila, carqueja e boldo. Possui um aroma amargo e pode auxiliar no tratamento de azia, má digestão, gastrite e refluxo. Além disso, ajuda na melhora da enxaqueca, má circulação, pressão alta, boca amarga e mau hálito.

Temos em dois formatos: Amarguinho mix 500ml ou Amarguinho mix display com 48 flaconetes de 20ml. Clique em uma das opções e acesse a nossa loja virtual.